sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Queniana supera pneumonia e quebra o recorde mundial da meia maratona

Marca foi alcançada na RAK Half Marathon nos Emirados Árabes

Foto: Victah Sailer/divulgação

Depois da quebra dos 2.000m indoor por Dibaba, no início da semana, mais um recorde foi batido nesta sexta-feira, 10 de fevereiro. A queniana Peres Jepchirchir fez o melhor tempo da história na meia maratona.

Peres completou a RAK Half Marathon, disputada em Ras al-Khaimah, nos Emirados Árabes, em 1h05m06, o que corresponde a um pace de 03:05 por quilômetro. O tempo é três minutos mais rápido que o recorde anterior, de Florence Kiplagat, também do Quênia. A marca agora vai para ratificação da IAAF.

Para ficar com a vitória e o recorde, Peres não teve vida fácil. Tricampeã da prova, Mary Keitany chegou na segunda colocação com tempo de 1h05h13. O pódio todo queniano foi completado por Joyciline Jepkosgei.

A atleta de 23 anos, campeã mundial dos 21k em 2016, precisou superar mais do que as concorrentes para vencer a prova. Apenas dois meses atrás, ela estava fora de combate por conta de uma pneumonia.

Além de quebrar o recorde para meia maratonas, ela passou na marca de 20k com o tempo mais rápido de uma mulher da história em provas mistas - nas quais participam participantes dois dois sexos - com a marca de 1h01m40.

Na prova masculina, a vitória ficou com Bedan Karoki, do Quênia, com tempo de 59m10s. Completaram o pódio Yigrem Demelash, da Etiópia e Augustine Choge, do Quênia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recomendado pra você

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares